10 mar

Você já ouviu falar de “Whatsappinite”? Pois ela é real e traz danos à saúde

Muitos já ouviram (e conhecem na pele) a tendinite. No entanto, com a modernidade, a conhecida doença ganhou derivações, entre ela a inflamação dos polegares pelo uso contínuo do smartphone: classificado pela revista espanhola de medicina “The Lancet” como Whatsappinite.

Complementar a isso, uma pesquisa de um Instituto de Ortopedia de Traumatologia de São Paulo revelou que a causa da Whatsappinite é a sobrecarga nos polegares.  “Para cada clique que o polegar realiza, há um movimento de extensão que, após várias mensagens, acaba por causar microlesões no tendão extensor, que se inflama. A articulação da base do polegar também se inflama pelo excesso de atrito do movimento circular deste dedo”, revela o estudo.

Para evitar ser acometido pela nova doença, as recomendações dos médicos da área são de não ficar mais de 10 minutos seguidos digitando e evitar redigir textos muito longos nesses aparelhos. Outras dicas para os usuários assíduos e incuráveis dos smartphones:

– Usar os aplicativos de forma consciente: veja se é necessária a comunicação imediata por mensagem. O uso de teclado e computador é sempre melhor.

– Evitar a digitação com a mesma mão que segura o celular, ou apoiar o celular.

– Ativar o sistema que “adivinha” o que você vai escrever (T9).

– Em caso de necessidade do uso excessivo destes aparelhos, procurar profissionais que orientem nos exercícios que fortaleçam as mãos.

Author:
Tags: , , ,

POSTS RELACIONADOS

27 maio

Tendinite de ombro: cuide para evitar

O problema é causado por esforço repetitivo e postura ruim

Leia mais
24 jun

A importância da boa postura no combate à síndrome do impacto

Síndrome é a causa mais comum da bursite e da tendinite

Leia mais
6 maio

Discinesia escapular: má postura é uma das principais causas

Alteração de movimento pode causar muitas dores no paciente

Leia mais