16 abr

Como identificar os principais problemas ergonômicos

A ergonomia é essencial para assegurar o melhor desempenho de todos os profissionais. Além de reunir um conjunto de princípios e regras para manter a saúde de toda a empresa, ela permite que as organizações consigam garantir a segurança dos trabalhadores e aumentar os seus níveis de produtividade. Mas nem toda companhia está preparada para isso. Existem aquelas que ainda passam por problemas ergonômicos, e é preciso urgentemente mudar esse cenário.

As empresas têm uma grande de dificuldade em perceber se seguem ou não a linha ergonômica: eu venho promovendo a saúde e o bem-estar dos colaboradores? Eles se sentem seguros? O que precisa ser alterado? Os móveis da minha empresa têm condições de atender os perfis dos profissionais? Essas são algumas das perguntas a serem respondidas nesse momento, que vão ajudar você a identificar os principais problemas ergonômicos da sua empresa e saber o que fazer para eliminá-los.

 

Os principais problemas ergonômicos

Ignorar os princípios ergonômicos e não aplicá-los no ambiente de trabalho pode levar a sua empresa (e a saúde de todos) a correr sérios riscos. Quando você não investe em ergonomia, ou seja, não pensa que as condições de trabalho precisam ser adequadas ao biotipo dos profissionais e que, nesse contexto, os móveis e utensílios devem ser adaptáveis e reguláveis, a tendência é que os colaboradores comecem a sentir dores, problemas na coluna e até mesmo peçam atestado devido a alguma doença laboral. E a incidência de casos como esses aumentam quando você deixa os principais problemas ergonômicos invadirem os corredores da empresa. Entre eles, estão:

– Repetitividade de movimentos.

– Ausência de pausas.

– Postura inadequada.

– Levantamento de cargas pesadas sem orientação ergonômica.

– Iluminação deficiente.

 

Como identificá-los

Muitas empresas ainda sofrem com problemas ergonômicos porque não conseguem identificá-los para, assim, promover melhorias e solucioná-los. Mas existem algumas maneiras práticas de fazer isso. Seja no escritório ou em qualquer outro posto de trabalho, é preciso, antes de organizar o espaço, realizar pesquisas de mercado e fazer as melhores escolhas de móveis.

Depois, é importante informar-se sobre a opinião dos trabalhadores. Afinal, eles são os principais envolvidos nesse processo e podem, como ninguém, ajudar a sua empresa a saber se existe algum problema ergonômico interferindo na produtividade.

Para isso, é possível realizar pesquisas por meio de um questionário enviado a cada um dos profissionais e, assim, avaliar questões como: as pessoas estão confortáveis durante a jornada? Elas sentem dores, cansaço ou stress? Acreditam que os equipamentos utilizados são apropriados para as atividades desenvolvidas? Estão satisfeitos com as tarefas e demandas? Entre outras perguntas.

Outra forma é verificar o número de ausências por mês e os motivos pelos quais as pessoas precisaram faltar ao trabalho. Com isso, é possível avaliar todas as circunstâncias e encontrar os erros ergonômicos existentes na empresa.

 

O que fazer para eliminá-los?

A primeira dica para eliminar os problemas ergonômicos que apareceram a partir do retorno dos próprios colaboradores é examinar a origem deles. O mesmo relatório sobre a jornada de trabalho mostra quais são as principais lesões, dores ou doenças que vêm atingindo os profissionais. Ao identificá-las, é possível verificar as razões que podem ter causado esses erros.

Em um segundo momento, a dica é trocar os móveis da empresa, escolhendo um mobiliário completo, que atende aos requisitos ergonômicos previstos na Norma Regulamentadora NR 17. Afinal, de nada adianta fazer a escolha de móveis que você entende serem ideais se os próprios profissionais não estão satisfeitos. Procure conhecer a realidade da sua empresa e conheça os produtos da Prolabore para eliminar qualquer problema ergonômico que a sua companhia possa ter algum dia.

Continue acompanhando o nosso blog. Aqui você encontrará sempre textos e informações interessantes sobre ergonomia e saberá como compor um ambiente de trabalho muito saudável.

 

Author:
Tags: , , , ,

POSTS RELACIONADOS

8 jun

5 riscos ergonômicos a evitar na sua empresa

Saiba o que são os riscos ergonômicos e confira o que fazer para prevenir cinco situações comuns que ameaçam as organizações.

Leia mais
19 maio

A importância da iluminação em um ambiente de trabalho ergonômico

A iluminação do seu ambiente de trabalho deve ser pensada a partir da ergonomia, planejada e ajustada à cada tipo de atividade realizada naquele local.

Leia mais
2 dez

Aumente a produtividade da sua empresa, aposte na ergonomia

Invista em móveis que auxiliam no desempenho da equipe

Leia mais