1 fev

O que considerar na hora de escolher os móveis para escritório?

Escolher o mobiliário completo para compor o ambiente de trabalho e definir os móveis corretos pode ser um desafio. Antes de mais nada, é preciso identificar quais são as necessidades do local. Saber o que precisa ser feito para alocar o número de pessoas certo, por exemplo, para depois começar a distribuir os móveis e utensílios organicamente. No entanto, um dos fatores essenciais, que deve ter a sua atenção neste momento, é a ergonomia. Todo o espaço precisa ser pensado de forma ergonômica.

Entre os temas mais importantes a serem considerados em uma situação de decisão – junto da ergonomia – estão: espaço e ambientação, a identidade da empresa, a quantidade de pessoas e o orçamento. Veja, a seguir, porque cada um deles deve entrar na sua lista de prioridades e saiba qual a importância de montar e organizar o ambiente de forma ergonômica.

 

Ergonomia

A ergonomia é o primeiro fator que vamos destacar, afinal, no momento de escolher o mobiliário da empresa é importante pensar em saúde, conforto e segurança. Esses três pontos devem ser os itens em destaque na sua lista. Isso porque sem eles é possível que os colaboradores não se sintam confortáveis durante o expediente e a sua organização sofra prejuízos.

Fazer escolhas ergonômica nada mais é do que saber que aquele móvel escolhido vai atender ao perfil e às necessidades de cada colaborador. Para isso, eles precisam ser confortáveis, mas também muito seguros. E aqui nossa principal dica é: conheça as regras estabelecidas na Norma Regulamentadora (NR 17).

Essa norma visa a estabelecer parâmetros que permitam a adaptação das condições de trabalho às características psicofisiológicas dos trabalhadores, de modo a proporcionar um máximo de conforto, segurança e desempenho eficiente. Por exemplo, ela exige que o mobiliário dos postos de trabalho seja planejado ou adaptado a função do trabalhador.

Depois de conhecer todas as regras é mais fácil fazer escolhas ergonômicas corretas. Entretanto, além de basear-se na NR 17, é importante lembrar da saúde dos colaboradores. Eles precisam ser contemplados com móveis que não prejudiquem o seu corpo e mente. É muito comum que os profissionais sintam desconfortos e dores e se afastem do trabalho por algum tempo devido a uma doença laboral. Portanto, evite qualquer problema para a sua organização apostando em ergonomia.

 

Espaço e ambientação

Um escritório deve ser muito bem planejado para atender as necessidades criativas e laborais do seu público. O que queremos dizer com isso? Que dependendo do nicho de atuação da empresa, é possível que o ambiente precise ser mais descontraído ou mais sério. Esses são fatores fundamentais e devem ser pensados para acolher os colaboradores, mas também a todos aqueles que vão visitar a sua empresa.

Junto a isso, é importante que os móveis escolhidos estejam de acordo com esses diferentes espaços. Existem mobiliários de diversas cores, modelos e até mesmo formatos que auxiliam não somente a compor o ambiente de maneira funcional, mas deixam ele com “a cara da empresa”.

Porém, gostamos de dizer que a segurança deve vir antes de qualquer outra questão. Então, nesse caso, é preciso preencher o espaço de forma adequada, com todos os móveis e utensílios que a empresa precisa, mas também pensar que eles devem ser muito bem escolhidos para atender a todos os perfis e atividades realizadas no local, bem como o biotipos dos profissionais.

 

Identidade da empresa

Um dos fatores mais importantes, que ajudam a disseminar um sentimento de pertencimento na empresa, é ter a identidade da marca impressa no ambiente de trabalho. É muito importante que todas as pessoas que circulam neste local se sintam confortáveis e criar uma identidade única para aquele espaço diz muito sobre conforto.

Muitas vezes, as pessoas passam mais horas no trabalho do que em suas próprias casas, então é muito importante valorizar esse ambiente e torná-lo aconchegante, organizado e harmônico. A nossa dica aqui é: eleja os principais valores da sua marca e tente transmiti-los nos móveis do escritório, por exemplo.

Outro exercício interessante é lembrar no momento da escolha do mobiliário o nicho de atuação. Se a sua empresa trabalha com criatividade e tecnologia, ela demanda muita inovação, então é interessante que seja composta por móveis confortáveis e mais descontraídos. Agora, se você atua em uma escritório de advocacia, que exige mais seriedade, é possível que os móveis sejam mais tradicionais, pois eles imprimem mais segurança e confiança. Como você pode ver, é bastante relevante fazer ligação com os valores e a identidade da empresa no momento de fazer as suas escolhas. As chances de acertar e satisfazer seus consumidores e colaboradores são muito maiores.

 

Quantidade de pessoas

O número de pessoas influencia (e muito) na decisão da escolha dos móveis. Portanto, a nossa aqui dica é: saiba exatamente onde você deseja chegar com a sua empresa, identificando quantos funcionários serão necessários para que você possa abri-la todos os dias. E ainda: entenda que é importante escolher uma mobiliário pensado para atender às características psicofisiológicas dos profissionais. Faça suas escolhas seguindo a Norma Regulamentadora (NR 17).

 

Orçamento

O orçamento é outro ponto que deve estar em destaque. Além de ter um espaço de trabalho que imprime a identidade da marca e oferece conforto e segurança, é necessário fazer as escolhas certas para o caixa da sua empresa. De nada adianta querer dar passos largos se o seu orçamento não permite grandes mudanças no ambiente de trabalho. É possível escolher móveis ergonômicos e compor o ambiente de forma bastante econômica, basta você encontrar o lugar certo para fazer essa compra.

 

Faça as melhores escolhas de móveis e utensílios. Continue acompanhando as publicações do blog e conheça as opções de mobiliário da Prolabore.

Author:
Tags: , ,

POSTS RELACIONADOS

4 nov

3 riscos para a saúde do trabalhador em um escritório não ergonômico

Os problemas vão desde dores na coluna a problemas de fertilidade

Leia mais
25 jan

4 erros na hora de montar o escritório que você não deve cometer

Nem sempre fazemos as escolhas de móveis certas para equipar o ambiente de trabalho, saiba o que evitar nesse momento e entenda a importância da ergonomia.

Leia mais
17 nov

Atenção aos riscos de trabalho no escritório

Ainda que não apresente os mesmos perigos do chão de fábrica, o escritório pode, sim, prejudicar a saúde do trabalhador.

Leia mais